Regras para inclusão de itens e criação de comunidades e coleções

Alguns conceitos relativos ao Repositório (DSpace)

Item: um conteúdo em documento pertencente ao acervo, exemplo: revista, monografia, livro e etc. Coleção: um grupo de itens. Comunidade: um grupo de coleções e/ou comunidades (de forma recursiva). A árvore será criada na comunidade Acervos de acordo com a seguinte estrutura hierárquica inicial: Campus/Centro ou Unidade. Por exemplo:

  • Acervos
    • Campus Florianópolis
      • CTC (Centro)
      • CED
      • CFH
      • Reitoria (unidade)
      • Setic
      • Biblioteca Universitária
    • Campus Araranguá
    • Campus Blumenau
    • Campus Curitibanos
    • Campus Joinville

Regras para criação e controle de comunidades, coleções e itens

  1. A Biblioteca Universitária é a instância responsável por administrar e definir a estrutura do Repositório Institucional, que é constituído de comunidades,  subcomunidades e coleções de itens. Portaria Normativa n° 195/2019/GR (link externo).
  2. Abaixo do nível “Centro ou Unidade” dentro dos Campus, poderão ser criadas comunidades específicas. Coleções serão criadas apenas dentro de subcomunidades de “Centros ou Unidades”.  Nunca haverá uma coleção dentro dos níveis principais (Acervo, Campus ou Centros).
  3. A criação de novas comunidades, subcomunidades e coleções podem ser requisitadas apenas por servidores (docentes ou técnico-administrativos da UFSC). Para solicitar a criação de uma comunidade e coleções dentro da árvore do repositório, deve-se abrir um atendimento no Portal de Atendimento da BU (link externo), opção serviço: Repositório Institucional da UFSC.
  4. A inclusão de novas comunidades, subcomunidades e coleções e a definição de seu nível hierárquico dentro do Repositório estão sujeitas a avaliação e parecer favorável da Biblioteca Universitária.
  5. Não serão mais autorizados servidores dentro dos altos níveis do repositório (campus, centros e/ou unidades), somente serão autorizados em coleções específicas.
  6. Para cada coleção será delegada um ou mais responsáveis que atuarão como administradores e revisores dos itens e conteúdos incluídos no RI/UFSC. Essas funções e a disponibilização (aprovação) de conteúdo são restritas aos servidores (docentes ou técnico-administrativos da UFSC). Submissões podem ser realizadas por servidores e alunos da UFSC.
  7. O administrador de cada coleção será responsável por aprovar ou rejeitar as submissões de itens, feitas por qualquer pessoa ou grupo específico da comunidade universitária.
  8. O conteúdo dos itens é de responsabilidade do administrador da coleção. Por isso, é necessário conhecer todos os detalhes do conteúdo disponibilizado, inclusive com relação aos direitos envolvidos: Direitos Autorais e Conexos, Direitos de Imagem e a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD) para que não ocorram violações de direitos e implicações legais. Para disponibilizar conteúdo cujo direito autoral não detenha solicite o preenchimento do  Termo de autorização de publicação de Conteúdo no Repositório (link externo) aos responsáveis, de acordo com a licença adotada.
  9. Itens incluídos que não se enquadram nas recomendações e regras estabelecidas para o RI/UFSC podem ser excluídos sem aviso prévio.
  10. O Repositório tem o objetivo de dar acesso à informação e não somente armazená-la. Assim, é obrigatório a descrição do conteúdo digital com a identificação dos autores, título, palavras-chave, etc., conforme Tutorial de inclusão de itens e submissão (link externo).
  11. O arquivo digital correspondente ao registro do item e descrito nos metadados deve ser obrigatoriamente  depositado no Repositório.
  12. Compete aos administradores da coleção orientar novos colaboradores (servidores ou alunos da UFSC) no processo correto de armazenamento de conteúdo e sua organização, considerando os aspectos legais, acesso ao público e a descrição de metadados. Também deve manter atualizada a lista de colaboradores da coleção, informando novos ingressos ou exclusão.
  13. Ocorrendo infrações às regras, administradores e submetedores podem ser removidos de suas funções nas coleções sob sua responsabilidade.
  14. As questões referentes aos Trabalhos de Conclusão de Curso da Graduação e Especialização (link externo), e Trabalhos de Conclusão da Pós-Graduação (link externo), seguem procedimentos próprios.

O que pode ser incluído no repositório?

  • Conteúdo técnico-científico produzido no âmbito da UFSC;
  • Conteúdo de autoria de docentes e técnico-administrativos da UFSC, e alunos da UFSC, desde que orientados por servidores da UFSC;
  • Conteúdo com acesso livre ou mediante autorização dos detentores dos direitos autorais/patrimoniais;
  • A restrição de itens é exclusiva para teses, dissertações e trabalhos de conclusão de cursos da graduação que possuem embargo temporário fundamentado na Resolução Normativa Nº 126/2019/CUn e na Resolução Normativa nº 46/2019/CPG;
  • Itens passíveis de inclusão no Repositório: teses e dissertações; monografias da graduação, especialização e residência; livros; publicações de eventos; relatórios técnicos e de pesquisa; artigos; revistas; jornais; patentes.

O que NÃO pode ser incluído no repositório?

  • Qualquer item não produzido no âmbito da UFSC e que não tenha contexto com a Universidade;
  • Qualquer item com proteção que viole Direitos Autorais e Conexos, Direitos de Imagem e a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD);
  • Material de aula, trabalhos de disciplinas, material publicitário para divulgação de atividades e/ou eventos, como cartaz, banner, panfleto, folder e flyer;
  • Fotos e vídeos pessoais;
  • Gravações de aulas, eventos, reuniões, defesas, formaturas;
  • Informações sem utilidade pública;
  • Conteúdos efêmeros;
  • Backups;
  • Links.